Grupo Monza - 39 anos pensando em você

Atendimento: 67.3029-7171 - Av.Coronel Antonino, 513

Notícias

New Fiesta inova na segurança com controle de estabilidade e tração

Postado dia 29/11/2011

Com o New Fiesta Hatch 2012 a Ford introduziu tecnologias inéditas de segurança que a maioria dos motoristas não está habituada a encontrar em carros deste e de outros segmentos. Uma delas é o controle eletrônico de estabilidade e tração (ESC), recurso avançado de segurança ativa que atua junto com os freios ABS para ajudar o motorista a manter o controle do carro em situações críticas, como pista molhada, frenagem brusca ou manobras de emergência.

"Numa condição de derrapagem, quando se entra rápido demais numa curva ou em superfícies escorregadias, por exemplo, o controle eletrônico de estabilidade ajuda a corrigir automaticamente os desvios na trajetória do veículo", explica Guilherme Campos, supervisor de Engenharia da Ford. "Ele é útil também em manobras bruscas, ao desviar de um buraco ou animal na estrada, por exemplo, ou quando há mudanças na condição da pista, de seca para molhada ou com cascalho."

As funções do controle eletrônico de estabilidade são controladas por uma central eletrônica, que trabalha conectada com módulos eletrônicos e sensores. A velocidade do veículo, por exemplo, é determinada por sensores instalados em cada uma das rodas. Já os dados de inclinação, aceleração e giro do carro são captados por sensores instalados na carroceria. Outro sensor na coluna de direção informa a posição e movimentação do volante, para reconhecer a trajetória desejada pelo motorista.

O software do sistema de controle eletrônico de estabilidade monitora e compara essas informações em questão de milissegundos. Quando percebe um desvio entre a trajetória desejada e o comportamento do veículo, atua para estabilizá-lo e colocá-lo de volta no curso desejado.

"Essa atuação é feita pela aplicação dos freios em uma ou mais rodas, individualmente, ou mesmo reduzindo o torque do motor. Dessa forma, diminui a velocidade, mantendo o controle e a estabilidade do veículo", continua o especialista.

O controle de tração tem um funcionamento similar ao controle de estabilidade, porém seu objetivo é evitar que as rodas derrapem em uma condição de aceleração, geralmente em baixas velocidades. Em superfícies com pouca aderência – como pista molhada, por exemplo – é comum as rodas patinarem quando se acelera para colocar o veículo em movimento.

"Quando o sistema detecta perda de tração em uma das rodas, ele atua reduzindo temporariamente a potência do motor ou aplicando o freio sobre a roda sem tração para evitar que ela patine", explica Campos.

O motorista fica sabendo quando o sistema está funcionando por meio de uma luz no painel, que se acende toda vez que o ESC ou o controle de tração entram em ação. Esse sistema é um dos itens avaliados pelos organismos internacionais para avaliar o padrão de segurança dos automóveis. A sua disponibilidade no New Fiesta, junto com 7 airbags e o sistema de classificação do ocupante, contribuiu para o carro ser classificado com o nível máximo, "Top Safety Pick", pelo Insurance Institute for Highway Safety, dos Estados Unidos.

Outras notícias